Dadalti assume cargo na Iveco

0

A Iveco levou Antônio Dadalti para o recém-criado cargo de vice-presidente comercial e institucional.

Luciano Alves Pereira

Com 25 anos de experiência no mercado de caminhões, Dadalti tornou-se uma celebridade rodoplena por ter integrado o quarteto mágico da indústria caminhonística à frente dos negócios da Volkswagen Caminhões e Ônibus, hoje MAN. Junto com Renato Mastrobuono, Roberto Barretti e Diogo Pupo Nogueira, Dadalti foi um dos pilares do milagre VW no Brasil. A partir de 1990, os negócios da marca vieram num crescendo de produção, vendas e extensão da rede, a ponto de ultrapassar a rival Mercedes-Benz e sentar-se no trono por anos. Dos quatro, três estão na Iveco em Nova Lima/Sete Lagoas (exceto Pupo).

Antônio Dadalti: um dos que levaram a Volkswagen à liderança

Até há pouco, Dadalti estava na ACAV (Associação Brasileira dos Distribuidores VW), como diretor de assuntos corporativos e estratégicos. Na Iveco, o convidado volta ao uniforme de campanha e uma das prioritárias áreas de seu interesse será a do relacionamento com clientes especiais, ou seja, transportadoras, frotistas da distribuição de bebidas e atacadistas. Em seus tempos de VW, implementou uma bem-sucedida política de vendas de grandes lotes com descontos irrecusáveis, sem deixar de contemplar o concessionário da região. Para sua apresentação à rede, a Iveco aproveitou o ‘Dia D Tector’, no final de abril, evento de relançamento do novo modelo semipesado Tector, só agora entrando em produção. Ele aproveitou para dar seu recado:

“O cliente tem expectativas com respeito ao produto, à venda, à rede e ao pós-venda. Vou atuar como se fosse os olhos, ouvidos e a voz do cliente dentro da empresa, de maneira a encurtar as distâncias entre as partes e contribuir neste processo para melhor comunicação e compreensão mútuas”.

Compartilhar

Deixe um comentário