Festa pela volta da linha F da Ford

0

A Ford voltou a produzir sua apreciada linha F-350 e F-4000. A fabricação tinha parado quando da adoção da tecnologia Euro 5 para os motores diesel, por falta de motor adequado em preço e potência. A volta foi festejada pelos concessionários. A linha F, pode-se dizer, vem sendo uma espécie de rosto da Ford desde a segunda metade da década de 1940.

Uma das primeiras F-350 desta “nova geração” foi comercializada pela Pisa, distribuidor Ford de Contagem (MG). O veículo foi entregue a Fernando Pires Alves, diretor da Guindastes Santa Mônica, de Pedro Leopoldo (MG). O negócio de Fernando foi fundado pelo pai José Otoni, em 1976, começando como oficina mecânica e socorro.

12

Nivaldo Sales, da equipe de vendas, passa as chaves para Fernando Pires, da Guindastes Santa Mônica, ladeado por José Ernesto Vieira, também da concessionária

LÍDER – Em seu primeiro mês de venda, a F-350 liderou o segmento de veículos comerciais semileves no Brasil, segundo a assessoria de imprensa da Ford, com uma participação de 34,2% no setor em que concorrem oito modelos tradicionai

.“Esse resultado do F-350 demonstra que o lançamento da Ford era muito aguardado. Antes mesmo de chegar à rede de distribuidores, o nosso caminhão semileve já tinha tido grande procura na fase de pré-venda”, diz Guy Rodriguez, diretor de Operações de Caminhões da Ford América do Sul.

Com peso bruto total de 4.500 kg e carga útil mais a carroceria de 2.125 kg, o caminhão semileve F-350 é utilizado em aplicações como entregas fracionadas, serviços de manutenção e distribuição comercial de atacado e varejo. (L.A.P.)

Compartilhar

Deixe um comentário