Mercedes-Benz quer ouvir clientes para voltar a liderança

0

Vice-presidente da Mercedes diz que já estão ouvindo

A adoção de freios a tambor nos modelos Axor e Actros, atendendo solicitação dos clientes, mostra uma nova forma de atuação da Mercedes-Benz no Brasil: “As estradas falam e a Mercedes-Benz escuta”. Este é o resumo da filosofia de trabalho do novo vice-presidente de vendas e marketing Roberto Leoncini, que atuou por 26 anos na concorrente Scania.

3

Actros terá Finame 100% a partir de janeiro

Ele está no cargo há seis meses. Falando à imprensa em Rondonópolis, num evento em novembro, Leoncini disse que tem estado em contato com a rede de concessionários, procurando mostrar que é preciso “escutar o cliente, informar a fábrica das necessidades dele e fazer a lição de casa, se quisermos ser novamente um jogador de peso em segmentos como o agronegócio”.

18

Roberto Leoncini: em busca do espaço perdido

Ele também quer atualizar o mapa da presença da Mercedes através de concessionárias e postos de serviços. “A cada dia surgem novas necessidades, com novas rotas, como está acontecendo no Pará. Precisamos estar perto do cliente, nem que seja com oficinas em contêineres.”

Sobre o Actros, modelo premium da marca, o novo vice-presidente adianta que ele poderá ser 100% financiado pelo Finame a partir de janeiro.

Leoncini acha possível levar a Mercedes de volta à liderança do mercado brasileiro. “Vejo grandes oportunidades de trabalho surgindo todo o dia.” Mas reconhece a necessidade de vencer alguns desafios: “Precisamos ter um 8×2 de fábrica. Nos leves, temos que melhorar a cabine para dar mais conforto ao motorista”.

Veja a íntegra da entrevista de Roberto Leoncini no site www.cargapesada.com.br.

Compartilhar

Deixe um comentário