VW - Meteor

Aposta em EGR dá certo e caminhão Volkswagen é campeão de vendas

16

Cons. Scania - Setembro

 

 

A aposta da Volkswagen no sistema EGR para caminhões mais robustos deu certo. Colocado no mercado no início de junho, o Constellation 24.280 foi de longe o mais vendido em julho na categoria semi-pesado da Federação Nacional da Distribuição dos Veículos Automotores (Fenabrave). Foram 561 emplacamentos do modelo contra 332 do segundo colocado, o 24.250, da própria MAN.

“Temos tido um feedback muito positivo dos nossos clientes tanto de ônibus quanto de caminhão”, afirma Ricardo Alouche, diretor de Vendas, Marketing e Pós-Venda da MAN Latin America. Segundo ele, são vários os motivos que justificam a boa aceitação do veículo. “O primeiro é que o cliente não gasta um centavo sequer com Arla 32”, ressalta. Ao contrário da tecnologia SCR, a EGR não necessita da ureia líquida para funcionar.

De acordo com o diretor, o 24.280 também vem se mostrando mais econômico que os modelos SCR da concorrência na mesma faixa de potência. “Falava-se muito no mercado que o sistema EGR iria consumir mais diesel a ponto de compensar pagar pelo Arla no SCR. Isso se revelou uma completa mentira. Há relatos de clientes que rodam com o nosso caminhão e com o dos concorrentes mostrando que o nosso é mais econômico”, afirma.

Alouche diz também que os clientes apontam o melhor desempenho do motor como uma vantagem do caminhão da MAN.  “Temos ainda clientes acreditando na nossa tese de que o motor EGR vai durar mais que os SCR”, afirma.

O diretor conta que os testes da montadora apontam o EGR como o sistema ideal para os veículos leves – de 7 a 10 toneladas – e para determinados segmentos de pesados. “Para os veículos estradeiros 6×2 e 4×2, o EGR se mostrou mais econômico e, por isso, adotamos essa tecnologia também neste segmento”, conta.

Questionado se a MAN pretende estender a tecnologia a outras categorias, Alouche responde: “Para outras faixas, neste momento, ela não se justifica. Mas os testes continuam e sempre há essa possibilidade no futuro”, afirma.  

Volvo Trucks 2021
Compartilhar
Truckscontrol 2021

16 Comentários

  1. VENDE, É UM BOM CAMINHAO , MAS O ATEGO 2426 EO 2429 SAO MAIS RENTAVEIS E ECONOMICOS. A MERCEDES ACERTOU, TEM MUITO DONOS DE Constellation 24.250.24.280, TROCANDO POR ATEGO , A MERCEDES ESTA RECUPERANDO CLIENTE,  SEUS VEICULOS ESTAO COM BONS PREÇOS, VALE A PENA COMPRAR.

  2. O 24.280 realmente é no momento  sensação com o EGR, mas é bom ressaltar que o caminhão só deve ser abastecido com o S-50 , outro combustivel que não seja de procedencia confiável pode causar sérios problemas no motor  do veiculo. Ser lider de vendas no momento não quer dizer que a opção foi a mais acertada , saberemos a longo prazo… Boa sorte para frotistas e caminhoneiros.

  3. Amigos eu comprei 2429 apesar utilizar o arla 32 o carro e mais econômico tanto em combustível  como no óleo do motor, enquanto o balde de 20 litros de óleo mineral custa R$185,00 o óleo sintético custa R450,00 o balde de 20 litros.Atego, o intervalo passou de 45.000 km para 75.000 km. Isso reduz os custos operacionais para os transportadores, aumentando a disponibilidade do veículo e ampliando a sua rentabilidade. O 24-280 o intervalo e de 30.000km OBS// O  ÓLEO DO MOTOR 24.280 TEM QUE SER O SINTÉTICO 

  4. com certeza , deve ser um tremendo beberrao, e o que a maioria dos frotistas falam e mentira, puxasaquismo, essa porcaria na pressao mesmo nao deve dar nem 3 por litro, tenho dois leves volkswagen que bebem igual zeca pagodinho, estou comprando um truck e vou colocar o quarto eixo, e nao e volkslixo e sim IVECO, isso mesmo tenho iveco na frota e nunca passei raiva com eles ao contrario de ford que ja tive e nao quero mais e volkswagem que infelizmente ainda tenho, pois tenho que acabar de pagar essas duas buchas , agora MB ainda nao tive por isso nao falo nada.!

  5. o vw, é muito bom……….mas ainda sou mercedes. o atego 2426 é mais acertado. bom de media. nao confio muito nrsses motores man. mercedes é mercedes. O REI NUNCA PERDA A MAGESTADE

  6. Marco Monteiro em..

    GOSTARIA DE SABER MAIORES INFORMAÇÕES SOBRE O ATEGO 2426 E 2429, QUANTO ELES FAZEM DE MÉDIA, QUAL É ÓLEO QUE USAM NO MOTOR, SINTÉTICO OU MINERAL E SE O CUSTO DE MANUTENÇÃO É MUITO ALTO. QUEM TIVER ALGUMA INFORMAÇÃO SOBRE FINANCIAMENTO DE CAMINHÃO NOVO, DIVULGA PARA NÓS!!

Deixe um comentário