Randon e Meritor inauguram unidades em Resende

0

DAF - XF105

Para facilitar a logística no fornecimento de peças e componentes, duas novas fábricas já operam no Parque de Fornecedores MAN Latin America em Resende (RJ): a Randon, através da Suspensys, e a Meritor inauguraram no dia 6 de maio as suas unidades para produzir componentes diretamente na planta da montadora.

Especializada em sistemas de suspensão e componentes para veículos comerciais, a Suspensys é resultado de joint venture entre a Randon e a Meritor. O propósito da unidade será montar freios, fazer a pré-montagem de suspensões e abastecer a vizinha Meritor, que também ergue uma planta no local, para a entrega de eixos completos na linha de produção dos caminhões e chassis das marcas MAN e VW Caminhões.

Fundada em 1997, a Suspensys é fornecedora líder em sistemas de suspensão e componentes para as principais montadoras de caminhões, ônibus e implementos rodoviários, exportando para outros continentes, em conjunto com os sócios Randon e Meritor.

AUTOPEÇAS – As fabricantes de autopeças Suspensys, Fras-le, Master, Controil e JOST fecharam o primeiro trimestre com alta de 20% sobre igual período de 2012. A retomada de bom ritmo nos negócios foi a tônica da feira de autopeças Automec, realizada em São Paulo em abril.

Para o diretor corporativo das Empresas Randon, Alexandre Gazzi, isto se deve, também, a outros fatores importantes. Ele cita a maior circulação da frota e, como consequência, o aumento do nível de manutenção dos veículos, em função da expectativa de melhoria na economia do País.

Além da reação do mercado, a Suspensys, a Master e a JOST atribuem a movimentação favorável à ampliação de seus respectivos portfólios, ao reposicionamento do preço no mercado que tornou mais competitivo o grupo de empresas e, ainda, à força de vendas com presença em todo o Brasil. “Estamos animados com o mercado e as boas perspectivas”, disse Gazzi.

A Fras-le também vivencia um bom momento na área de reposição, prevendo crescimento no semestre, o que já inclui a contribuição da Controil, adquirida há um ano, e que opera em sinergia com o canal de distribuição Fras-le. Igualmente, entre as montadoras, o clima é de otimismo no trimestre, quando a produção de veículos leves e comerciais aumentou em mais de 12%, conforme dados da Anfavea.

Para o presidente da Fras-le, Daniel Randon, a performance se deve ao aquecimento da economia brasileira e, no caso dos veículos pesados, à retomada das compras, já sem o efeito das encomendas antecipadas provocadas pela motorização Euro 5, que aconteceu no final de 2011.

Por conta destes resultados, a Randon divulgou recentemente que encerrou o primeiro trimestre com alta de 32,7% na receita líquida e receita consolidada de R$ 974,9 milhões de janeiro a março. Apenas considerando março, o faturamento líquido somou R$ 355,7 milhões, crescimento de 7,6% sobre o mesmo período de 2012. A Randon estima alta de 17% na receita líquida em 2013, para R$ 4,1 bilhões.

Scania - Consorcio
Compartilhar
Transpanorama - A 2 maior

Deixe um comentário