Caminhoneiros já podem procurar bancos para pedir refinanciamento

7

DAF - Motorista

Nelson Bortolin

Revista Carga Pesada

 

Por meio da circular 26/2015, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) autorizou na sexta-feira (3) os bancos comerciais a refinanciarem os caminhões vendidos por meio do Programa BNDES de Financiamento a Caminhoneiros (BNDES Procaminhoneiro) e do Subprograma Bens de Capital do Programa BNDES de Sustentação do Investimento (BNDES PSI).

Os caminhoneiros autônomos que compraram caminhões até 31 de dezembro do ano passado por esses programas, e que queiram um fôlego de 12 meses sem pagar parcelas, devem procurar os bancos nos quais fizeram o financiamento. A circular explica como eles devem proceder. O benefício se estende às microempresas de transporte rodoviário de carga com faturamento de até R$ 2,4 milhões por ano.

 Janir Bottega, do Sindicato dos Transportadores Autônomos de Cargas de Francisco Beltrão (Sindicat/Sudoeste do Paraná), Miguel Mendes, da ATC, Luciano Coutinho, presidente do BNDES, Roberto Carsalade Queiroga, da Associação das Empresas Cerealistas do Brasil (Acebra), e Rone Evaldo Barbosa, do Ministério dos Transportes.


Janir Bottega, do Sindicato dos Transportadores Autônomos de Cargas de Francisco Beltrão (Sindicat/Sudoeste do Paraná), Miguel Mendes, da ATC, Luciano Coutinho, presidente do BNDES, Roberto Carsalade Queiroga, da Associação das Empresas Cerealistas do Brasil (Acebra), e Rone Evaldo Barbosa, do Ministério dos Transportes.

Aqueles que têm menos de 12 parcelas a pagar também podem jogar essas parcelas para que recomecem a ser pagas daqui a um ano. Os juros das parcelas refinanciadas serão os mesmos do contrato original ou de 6% ao ano. A opção será pela maior taxa, segundo a circular.

O refinanciamento foi uma das reivindicações da greve dos caminhoneiros do início do ano. E foi autorizado pela lei federal 13.126, de 21 de maio, e regulamentada pela resolução 4.409, do Conselho Monetário Nacional (CMN), de 28 de maio.

No dia do lançamento do Fórum Permanente para o Transporte Rodoviário de Cargas (24 de junho) em Brasília, o grupo de trabalho criado para tratar do refinanciamento se reuniu com o presidente do BNDES, Luciano Coutinho, e pediu agilidade no processo. Ainda faltava uma portaria de equalização do Ministério da Fazenda, que acabou saindo dois dias depois. “Coutinho disse que tão logo saísse a portaria, ele agilizaria a circular e cumpriu sua promessa”, afirmou Miguel Mendes, da Associação dos Transportadores de Carga do Mato Grosso (ATC), que faz parte do grupo.

Mendes diz que o BNDES também ficou de estudar uma linha de financiamento para até três parcelas que já estejam atrasadas. “Nós ainda esperamos que, em virtude da crise, as empresas com faturamento acima de R$ 2,4 milhões também possam refinanciar seus contratos de compra de caminhões. Fizemos esse pedido ao governo e ele deve ser discutido na próxima reunião do Conselho Monetário Nacional no final do mês”, afirma.

TrucksControl - Sua Frota
Compartilhar
Cons. Scania - Dreamline

7 Comentários

  1. Fernando Pitanga em..

    Acabei de ligar para o banco onde financiei meu caminhão (SCANIA banco) e ouvi deles que o SCANIA banco não aderiu a esse refinanciamento, e agora o que devo fazer p ter direito ao benefício?
    Eles disseram que é facultativo, o banco adere se quizer,no caso do SCANIA banco,não quizaram

  2. Cristiano Marques em..

    Como vimos em alguns comentários os bancos poderão optar por não fazer o refinanciamento.
    Isso só serviu para o governo dizer que atendeu as nossas reivindicações e que os bancos não querem colaborar e assim mais uma vez só ficar dando desculpas.
    O governo deve obrigar os bancos a fazer os refinanciamentos sim. Por que só nos somos obrigados a conviver com diesel caro, frete baixo, estradas ruins, pedágios altos e outros absurdos.

  3. Existe o certo e errado, por isso, que existe os ministérios em brasília.
    Leis no congresso quando é promulgada, e para ser cumprida, é não para ser do jeito de quem achar melhor p/ si (banqueiros).
    Já que a lei foi promulgada, têm Nº 13.126, foi publicada no diário oficial, Precisamos que aja um bom senso dos bancos, Porque, ajuizar uma causa onde valores que não são baixos, é que pode se arrastar por anos em defesa jurídica!….
    Acho que têm que ter uma intervenção mais severa do governo federal e BNDS com os bancos financiadores neste tipo de divida causada pelo governo atual na economia do pais .
    Já estamos numa recessão medonha, imagina está situação arrastando por alguns meses com os bancos em resistência.

  4. ralph sampaio mendonça em..

    Irmao e colegas de profissao!
    nao tem geito aki no Brasil temos que brigar por um direito que ja e nosso!como falou o colega em outro comentario so fazendo nova paralisaçao pq se nao fizermos iremos para de qualquer maneira pois nao conseguiremos honrar nossos compromissos.
    Fica a pergunta…..seria interressante para os bancos que sao os agentes financeiros resgatarem estes veiculos usados em um pais que nao ta vendendo nada e ficarem de qualquer forma sem receber!?
    acho que os bancos estao colocando pressao para ver se cola,nao podemos aceitar isso!devemos parar novamente e comecar a espalhar isso em rede social que e uma excelente ferramenta para parar o pais novamente!
    O governo deve obrigar os bancos a acatarem a circular 26/2015 do bndes e pronto final!
    Ate qdo temos o direito e teremos que brigar para ser respeitada!
    vamos espalhar na rede social facam cada um sua parte eu vou fazer a minha agora vou espalhar em meus grupos que devemos paralisar o trasnporte novamente para os bancos aceitarem esta circular 26/2015!

    Juntos somos fortes!

  5. estou perdendo o caminhão pro banco sendo que quando comprei o valor era 265000 reais e saiu por 290000 reais eu dei 75000 reais em dinheiro e sendo o valor de 220.000 reais e o banco casou o seguro de dois anos e passou o valor para para 258.000 reais e ainda tive que dar 7.500 reais da minha parte em dinheiro pois financiou só 80 por cento do valor e eu já paguei 300.000 reais e ainda devo 175.000 do caminhão que hoje esta em Juizamento por motivo de não estar conseguindo mais deixa em dia e apartamento carro tudo estou perdendo por isso e o banco diz que não foi aceitado pelo Banco central e agora dizem que perdi o contrato com o BNDS e estão cobrando juro de banco 2.99 por cento ao mês ai sim pode negociar kkk é pura palhaçada mesmo e agora foi passado a divida para um escritório negociar com migo e somente para quitar as dividas sendo que o caminhão hoje vale em torno de 130.000 reais e eles querem 175.000 mil reais estão cobrando de cara 15 por cento de multa e depois dizem que estão querendo resolver a divida kkk mandei propostas para quitar a divida e nem me responderam estou a disposição para tentar acertar mas estou vendo que querer ser honesto não adianta que só tem valor é sem vergonhas e corruptos estou sem saida a não ser fazer uma greve Nacional mais parar tudo pelo menos uns 6 meses o meu já não esta trabalhando mesmo no Brasil ja estou fazendo minha parte na greve …

Deixe um comentário