Revista Carga Pesada e Mercedes-Benz NA ROTA DOS MINÉRIOS

2

Scania - Serviço Premiado - 25-04-18

Depois da safra de grãos e da cana, a Revista Carga Pesada em parceria com a Mercedes-Benz está NA ROTA DOS MINÉRIOS.

Paulo Thiago Miranda

Vamos mostrar aos nossos leitores e seguidores como é feita a extração e o transporte do minério de ferro nos arredores de Belo Horizonte em duas empresas do setor: a FLAPA – Engenharia e Mineração e a Ferro Mais do Grupo J. Mendes.

Segundo o gerente-geral da FLAPA, Paulo Thiago Miranda, a empresa possui mais de 200 caminhões, todos Mercedes-Benz. São veículos dos modelos Actros 4844 e Axor 4144, entre outros. Todas as máquinas utilizadas na atividade de engenharia e mineração são Caterpillar. “Ter um fornecedor único facilita a interação, a gestão e a manutenção da frota, atingindo assim a excelência operacional esperada da FLAPA”, explica o gerente, que se diz muito satisfeito com os caminhões Mercedes-Benz. “São robustos e não dão problemas.”

A mineração é uma das principais atividades econômicas de Minas Gerais. E, segundo Miranda, passa por um rigoroso controle ambiental, principalmente após o desastre de Mariana. De acordo com o Cadastro Central de Empresas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), mais de 60 mil pessoas trabalham na Indústria Extrativa Mineral (IEM) no estado. A IEM (sem petróleo e gás natural) responde por 24,4% de toda a indústria e 8% de todo o PIB de Minas Gerais. O estado é responsável por quase metade de todo o valor gerado pela IEM no Brasil.

Acompanhe nossa viagem pela Rota dos Minérios em Minas Gerais pelo site e pelo Facebook.

Depois do diesel, lubrificantes, filtros e pneus são os principais custos do transporte de minérios.Túlio Souza, coordenador de obras da Flapa, fala dos cuidados com a manutenção de caminhões e máquinas

Posted by Revista Carga Pesada on Monday, April 23, 2018

Caminhão e máquina em ação nas cavas de mineração da Flapa em Minas Gerais.Mercedes-Benz e Caterpillar foram as marcas escolhidas pela empresa…Na operação de Belo Vale, a empresa utiliza o Axor 4144.Em Araxá, o modelo escolhido é o Actros 4844.No video, o Axor 4144 em ação.

Posted by Revista Carga Pesada on Monday, April 23, 2018

Conheça o Projeto Na Rota dos Minérios, uma parceria da Revista Carga Pesada e ‘Mercedes-Benz Caminhões’ (@mercedesbenzcaminhoes)
Scania - Serviço Premiado - 25-04-18
Compartilhar

2 Comentários

  1. Essa além de ser uma atividade lucrativa tanto para as empresas como par o estado carece de muita atenção em relação ao meio ambiente. É uma atividade altamente poluidora principalmente com particulados lançados na atmosfera e em toda a região minerária. Quem mora próximo a estas minas, demonstram em sua pele a atuação do minérios, as crianças tem os pés vermelhos devido ao minério no solo.
    Sobrevoar a região traz uma impressão ruim pois aparenta um ambiente “lunático” é pura destruição, as reservas de água no subsolo são agredidas com a retirada da água e lançada fora para permitir a mineração, fonte vitais para abastecimento humano na região são exauridas devido a mineração. Sei da importância dessa atividade, mas não devemos desprezar o dano causado ao meio ambiente.

Deixe um comentário