“O lucro é o papel social da empresa”, diz presidente da Volvo

0

Daf - 90 anos

Só o lucro permite que um empreendimento invista, gere empregos e pague impostos, afirma Wilson Lirmann

O lucro é o principal papel social de um negócio. Ele permite que a empresa invista, gere empregos e pague impostos. É o lucro que faz o pequeno tornar-se um médio transportador. Esse é o pensamento do presidente da Volvo do Brasil, Wilson Lirmann. “Todo mundo precisa ganhar, mas tem que ganhar com profissionalismo e eficiência. Essa é a regra do jogo”, afirma.

Durante a final mundial do Vista – Volvo International Service Training Award, competição de profissionais de caminhões e ônibus da Volvo, dia 26 de junho em Curitiba, Lirmann conversou com a Revista Carga Pesada e avaliou a greve dos caminhoneiros, realizada de 21 a 31 de maio. “Houve motivações para o movimento: o aumento do diesel, a situação de estresse financeiro das transportadoras e dos autônomos. É compreensível, mas sempre tem um custo. Nem tudo é sempre positivo ou negativo”, declara.

De acordo com o presidente da Volvo, o importante agora é “pensar numa pauta de trabalho e geração de riqueza para o País, para que todo mundo possa ficar com um pedaço daquilo que se produz”. Para ele, o que o setor reivindica “não é exatamente subsídio”. “Pelo contrário, temos de evoluir para um mercado mais aberto para o mundo. Temos setores supercompetitivos que dependem do transporte como a agricultura. Todo mundo tem de ganhar um pouco para ser sustentável.”

Lirmann considera que não existe um único perfil de caminhoneiro autônomo no País. “Não dá para colocar tudo numa mesma caixa. Tem aquele pessoal que está numa faixa de muita dificuldade e outros que estão evoluindo, que já têm seus caminhões seminovos e até novos.”

O presidente ressalta que a história dos grandes transportadores brasileiros comprova seu pensamento. “O maior transportador do Brasil começou com um caminhão de verdura. Dependendo da forma como se colocam no mercado, de condições favoráveis para seus negócios, eles vão evoluir”, alega. Por outro lado, há os que não obtêm sucesso. “Dependendo das dificuldades, muitas delas injustas do ambiente de negócio, tem gente que fica pelo caminho.”

Questionado sobre o que o Banco Volvo tem para oferecer ao pequeno transportador, Lirmann responde: “Temos linhas de financiamento de caminhões novos e seminovos, sempre dependendo do perfil do transportador e da história dele de crédito e com o próprio Banco Volvo. Temos o consórcio que também é uma excelente opção para o primeiro caminhão. Temos um conjunto de soluções como seguro de carga e de caminhões, além de produtos como contratos de manutenção, plano de óleos e filtros”, enumera.

Scania - Serviço Premiado - 25-04-18
Compartilhar

Deixe um comentário