Caminhoneiros se dividem; parte da categoria defende paralisação na quarta

9

DAF - XF105

Suspensão do julgamento da tabela de frete desmobilizou motoristas, que fariam protestos neste início de semana

Nelson Bortolin

A suspensão do julgamento da constitucionalidade dos pisos mínimos de frete, que estava marcado para quarta-feira (4) no Supremo Tribunal Federal (STF), desmobilizou os caminhoneiros autônomos, que pretendiam fazer mobilizações em todo o País nesse início de semana.

A ideia era pressionar os ministros do STF para que considerassem as tabelas de frete constitucionais.

Em alguns locais do País, as lideranças da categoria estão reunidas, convocando os autônomos para paralisarem as atividades. Mas também há líderes que já descartaram qualquer protesto, pelo menos, por enquanto.

Na manhã desta segunda-feira (2), o sindicato da categoria de São José dos Pinhais, o Sinditac, fazia mobilização no Posto Costa Brava, em Curitiba. “De hoje até quarta, vamos fazendo uns protestos. O pessoal está começando a se unir”, afirma o presidente da entidade, Plínio Dias. Segundo ele, alguns motoristas já estão encostando os caminhões no pátio do posto. “A partir de quarta vamos parar.”

As duas pautas principais do movimento são os pisos mínimos de frete e o Ciot para Todos.

Pessoal do Sindicam, em Rio Verde (GO)

O Sindicam Goiás providenciou a estrutura para os protestos. Mas o presidente da entidade, Vanderly Caetano, disse à Revista Carga Pesada, por telefone: “Parede que não estão querendo parar. O sindicato está na retaguarda. Se quiserem (fazer os protestos) terão estrutura”, afirma.

Já em Jaboatão dos Guararapes, na região metropolitana de Recife (PE), o pessoal está mais animado. E garante que a categoria vai para “o tudo ou nada” na quarta-feira, segundo o líder Marconi França. “Estamos fazendo trabalho de divulgação, panfletagem. Na quarta-feira tudo vai parar, a não ser que o governo atenda nossas reivindicações”, disse França à reportagem. No vídeo, ele é o de chapéu, com camisa do Sport Club do Recife.

RECUO ESTRATÉGICO

Carlos Alberto Dhamer, o Litti, do Sindicato dos Transportadores Autônomos de Cargas de Ijuí (Sindijuí), é contra qualquer paralisação agora. Ele considera que, sem o julgamento pelo Supremo, os protestos perderam o sentido e a categoria precisa fazer um recuo estratégico. “O adiamento provocou uma indignação muito grande em todo o País. E mostrou que a categoria não abre mão do piso mínimo”, diz Litti.

Ele acredita que os caminhoneiros devem permanecer vigilantes e aguardar os próximos acontecimentos. E alega que, nos últimos dias, apareceram “outras bandeiras políticas e ideológicas” de pessoas que querem usar a categoria como “massa de manobra”.

Carlos Roberto Dellarosa, do Sindicam de Londrina, concorda com Litti. Para ele, não é hora de realizar as paralisações. “Estamos vendo com os colegas que atitude tomar em nível nacional.”

Outro contrário à paralisação é o presidente do Sindicam de São Paulo, Norival de Almeida Silva. Ele defende a continuação das negociações com o governo. “Temos algumas coisas sendo encaminhadas, como um compromisso dos embarcadores de definirem uma cota de contratação direta de autônomos e a implantação do DTE (Documento de Transporte Eletrônico)”, conta.

Scania - Consorcio
Compartilhar
Fenatran - Você na Rota

9 Comentários

  1. -A SITUAÇÃO ESTA DIFICIL, MAS PARAR AGORA COM UMA NEGOCIAÇÃO EM ANDAMENTO É MAIS DIFICIL AINDA, SE PARAR O BICHO PEGA SE CORRER O BICHO COME, ESTAMOS NO MATO SEM CACHORRO O QUE O GOVERNO DEVE FAZER O MAIS SIMPLES, O PREÇO MINIMO, QUE NÃO É UMA TABELA, É SIMPLESMENTO PAGAR O MINIMO E O CIOT PARA TODOS É A MANEIRA MAIS SIMPLES, PARA O GOVERNO FRAGAR OS SONEGADORES DE IMPOSTOS ALI QUE ESTA O ROUBO AI QUE O TRANSPORTE SONEGA IMPOSTOS, MAS ESTA DIFICIL O GOVERNO INTENDER E O MINISTRO DA INFRAESTRUTURA NÃO ENTENDEU QUE É ALI QUE ESTA O LEITE PARA O GOVERNO, ASSIM ACHAREMOS OS SONEGADORES DOS TRANSPORTES. É POR ISTO SÃO CONTRARIOS AO CIOT NO PARA TODOS.

    • Caro Sérgio, mas está mais que claro que o governo sabe de tudo isso, só não faz nada porque a estrutura do Brasil será sempre para proteger o capital e empresários, e o povo(caminhoneiro) que se…

  2. Eu já sabia dede a eleição desse governo que não haveria mais manifestação e se houvesse a policia iria cobrir a “lenha” na categoria, é o que está acontecendo.
    Infelizmente somos uma categoria desinformada, despolitizada e sem conhecimento de como funciona a politica. Nos governos anteriores havia democracia e nesse já está provado que não há mais.
    Como somos idiotas em acreditar nesses que nos iludem com´promessas mentirosas e que nunca serão cumpridas!
    Agora choramos pelo erro que comentemos, creio se o governo fosse um que tivesse compromisso com a sociedade, teríamos condições de negociar, mas com esse que ai está vai ser lenha no nosso lombo e ponto!

        • Uns desinformados politicamente ficaram fazendo arminha para eleger o atual presidente e agora estão vendo o mal que nos causaram.
          Esto registrando isso devido um colega que abastecia na cidade de Iturama-MG quando eu disse que o candidato que ele defendia e atual leito iria nos levar a decadência ainda maior, o cara quase me bateu dizendo que eu era comunista e estava querendo promover a derrota do presidente “honesto” que iria acabar com a corrupção. Lógico que não retruquei, não sou adestrado para apanhar e ainda mais que na minha idade, seria fácil para ele que veio pra cima e fazendo arminha e gritando agora é bol… Como eu já conhecia a candidato pelos seu quase 28 anos na câmara sem nada fazer, sabia como essa estória ira acabar. e hoje confirma a minha previsão!

  3. OSMAR GONÇALVES DE OLIVEIRA em..

    O SINDICATO INTERESTADUAL DOS CAMINHONEIROS AUTÔNOMOS , SE POSICIONA CONTRA TAL BLECAUTE
    TENDO EM VISTA ENTENDER QUE QUALQUER TABELA SEJA ELA QUAL FOR E INCONSTITUCIONAL E FERE
    O DIREITO DE LIVRE NEGOCIAÇÃO ENTRE PRESTADOR DE SERVIÇO E EMBARCADOR.
    NOS CAMINHONEIROS TEMOS QUE APRENDER A FAZER CONTAS,
    NÃO SE PODE OPERAR COM CUSTO ASIMA DO FATURAMENTO.
    TEMOS QUE TER O CUIDADO DE NÃO NOS DEIXAR SER USADOS POR PELEGOS QUE DIZEM REPRESENTAR A CATEGORIA QUE NUNCA FEZ NADA PARA MELHORAR A QUALIDADE DE VIDA DESTES PROFISSIONAIS
    APENAS OS EXPLORAM JUNTAMENTE COM OS EMPRESÁRIOS, EXEMPLO PARA CADASTRAR O R.T.B
    COBRAM OS OLHOS DA CARA.
    SE COMPUSERAM COM O GOVERNO PETISTA PARA ABOCANHAR ESSES VALORES ABSURDOS.

  4. As vezes dá vontade de não comentar mais nada, que categoria difícil tá louuuuco meu, O Rossetto Ministro da Dilma que negociou na Greve com os Caminhoneiros em 2015 publicou que a Tabela Mínima era Inconstitucional, e tem gente dizendo que o Governo anterior era democrático com os Caminhoneiro, e porque não criaram algo bom para a Classe no Governo deles ? Eles aceleraram a falência dos Caminhoneiros quando disseram que era Inconstitucional. Botam na cabeça que os Empresários dos Transportes nunca irão pagar um frete justo ao Autônomo e Freteiros eles exploraram a vida inteira esses trabalhadores, por isso que a Categoria está enfrentando essa crise terrível de hoje. Se todos Representantes dos Autônomos brigassem juntos com o Governo mostrando a real situação tenho certeza que terão sucesso com esse Governo, mas uns puxam para um lado outro para o outro lado,sempre foi assim. O Presidente Bolsonaro já Declarou que tem um compromisso com todos os Caminoneiros Brasileiros. Vou REFORÇAR Sem uma Tabela Mínima em pouco tempo não teremos mais Autônomos, Alo Sindicatos se o Autônomo falir voces fecham as portas tambem.Um Abraço a todos.

Deixe um comentário