Transpanorama faz formatura para venezuelanos contratados pela empresa

2

DAF - XF105

Na próxima quarta (9), às 8h45, a Transpanorama irá realizar a formatura de 38 venezuelanos selecionados para trabalharem em suas operações como motoristas.

Fonte: Assessoria de Imprensa

O evento será no complexo do G10, em frente ao Programa Florescer, em Maringá (PR). Os venezuelanos foram selecionados em Boa Vista (RR), no final de junho, com o apoio do Exército Brasileiro (Missão Acolhida) e da ONU. Chegaram em Maringá no dia 9 de julho e, desde então, participam de treinamentos teóricos e práticos. Cada um, passou por 528 horas de capacitação. Os instrutores foram os colaboradores da Transpanorama, do Sest Senat e do CTQT (Centro de Treinamento e Qualificação no Transporte). Além disso, participaram de imersão na PB Lopes – concessionária Scania, fazendo visitas técnicas.

Entre o conteúdo aplicado, legislação de trânsito brasileiro, direção econômica, tecnologia embarcada nos caminhões, orientação sobre educação financeira, cultura brasileira e idioma, no caso, o português. Todos os treinamentos foram oferecidos gratuitamente pela empresa.

Desde que chegaram a Maringá, os custos dos venezuelanos são mantidos pela Transpanorama, como alojamento, alimentação e lavanderia. Além disso, todos são remunerados conforme tabela sindical. A ideia de trazer os venezuelanos para trabalharem em suas operações teve duas finalidades: contribuir com uma ação humanitária e contratar motoristas para atuarem como folguistas e que cubram férias. Mesmo com o recrutamento e seleção dos estrangeiros, a Transpanorama continuou contratando brasileiros, normalmente.

Após a formatura, eles irão para as rodovias com os caminhões da transportadora. Durante 30 dias, serão acompanhados por um motorista padrinho, ou seja, um colaborador da empresa com anos de experiência na boleia. Este acompanhamento é importante para que possam se familiarizar com as rotas e o dia-a-dia na estrada.

A remuneração e condições de trabalho dos venezuelanos serão as mesmas aplicadas as colaboradores brasileiros.

APOIO

A Transpanorama ofereceu aos venezuelanos, além da capacitação para se aperfeiçoarem como motorista carreteiro, todo o suporte para a transferência da CNH venezuelana para a brasileira.

A transportadora já começou os alinhamentos para trazer a família dos venezuelanos para Maringá.

Scania - Consorcio
Compartilhar
Fenatran - Você na Rota

2 Comentários

  1. Flaudemir Alves em..

    Brasileiros se acham estrelas do volante mesmo os que nunca trabalharam como carreteiro por isto que muitas transportadoras preferem investir no material humano de fora.

  2. Aurélio Magro em..

    Sou motorista gostaria de fazer parte desta nobre empresa como motorista tenho disponibilidade gostaria de participar do curso para poder pegar mais experiências

Deixe um comentário