Carreta guarda energia da descida para ajudar na subida

0

DAF - XF105

Novo implemento graneleiro da Randon tem tração auxiliar elétrica e promete economia de combustível de até 25%

Uma carreta que armazena energia na descida para usar na subida. Esta é a proposta do implemento rodoviário Hybrid R, lançado pelas Empresas Randon, durante a 22ªFenatran, de 14 a 18 de outubro, em São Paulo. Trata-se do primeiro semirreboque graneleiro da América Latina com tração auxiliar elétrica. Segundo a fabricante, o novo produto, que ainda está em fase de testes, pode gerar uma economia de 25% de combustível para a CVC (Combinação de Veículos de Carga).

De acordo com o gerente de Inovação da Randon, Joel Boaretto, o sistema e-sys, um eixo especial desenvolvido pela Suspensys, regenera energia cinética, que é transformada em energia elétrica que alimenta as baterias. “Na hora que vai fazer uma subida, que é quando realmente se exige um pouco mais do motor do veículo trator, o implemento começa a tracionar esse eixo que ajuda o cavalo mecânico. Não é que ele empurre o veículo trator, ele reduz a necessidade de tração. E aí que acontece a redução do consumo de combustível.”

De acordo com Boaretto, enquanto está regenerando energia cinética, o uso do freio é menor e, em consequência, há uma redução de desgaste de lona. “E ainda diminui bastante o dando causado ao talão do pneu.”

O motor utilizado no implemento é um WEG e a bateria, segundo o gerente, vem de um parceiro de fora do Brasil, mas a Randon não descarta montar sua própria bateria no futuro.

Boaretto ressalta que a responsabilidade da fábrica é muito grande ao desenvolver novos produtos porque sobre eles há sempre uma carga muito pesada. E explica que o Centro Tecnológico Randon (CTR) conta com uma engenharia específica para produtos disruptivos. Essa equipe trabalha hoje com 12 projetos, incluindo o Hybrid R, focados em eletrificação, materiais inteligentes e conectividade.

O grupo, de acordo com ele, conta com representantes de todas as empresas Randon, como Fras le, Suspensy, Master e Jost. “Pegamos pessoas-chave em cada empresa. Então imagine a vantagem competitiva que temos devido às expertises que reunimos para desenvolver produtos”, ressalta. “Durante o período de desenvolvimento, os profissionais se dedicam full time ao projeto e depois voltam para as unidades fabris levando com eles o novo produto.”

O Hybrid R está sendo testado há um ano e meio por pilotos da Randon na pista de provas de Caxias do Sul (RS). “Nas nossas medições houve redução de até 25% de combustível”, conta o gerente. Ele ressalta que em breve a novidade vai ser testada nas estradas com motoristas dos clientes.

A expectativa é que esteja disponível para venda em 18 meses.

 

Scania - Consorcio
Compartilhar
Transpanorama - A 2 maior

Deixe um comentário