Novo Actros faz 2,09 km por litro de diesel

14

Scania - Consorcio Dreamline

Informação foi divulgada pela Mercedes-Benz no lançamento do primeiro showroom virtual para veículos comerciais

A média de consumo do Novo Actros é de 2,09 km por litro. A informação foi divulgada por Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, durante coletiva de imprensa online nesta quarta-feira (20).

O diretor da transportadora Botuverá, de Rondonópolis (MT), Adelino Bissoni, participou da entrevista e disse que está satisfeito com a performance do novo Actros. Ele, que também é produtor rural, vai receber o modelo de 530 cv para testes e já definiu a compra de mais 10 unidades.

A medição foi feita num bitrem 9 eixos com capacidade para 74 toneladas na rota Fazenda Boca da Mata a Rondonópolis. Martelli, Lontano e Transoeste são outras empresas que já estão com o novo modelo na operação do agronegócio.

Os números do mercado depois da pandemia

O vice-presidente da Mercedes-Benz também informou que o mercado brasileiro de caminhões caiu de 9 mil unidades/mês para 3,9 mil unidades, em abril. O fechamento dos Detrans, devido às medidas de isolamento social, também impactou o número de emplacamentos. Segmentos farmacêutico, alimentos e bebidas e celulose, além do agronegócio, são os que ainda tem gerado negócios.

Durante a coletiva, foi anunciado o Showroom Virtual para vendas da marca, que será lançado neste sábado (23) pelas redes sociais da Mercedes-Bez. Clique aqui e leia mais.

DAF - Corona
Compartilhar
Mercedes - Peças

14 Comentários

  1. Caminhão Mercedes-benz é o veículo pesando mais econômico dos pesados com maior custo benefício do mercado, suas peças e tecnológica própria permitem a reposição fácil a todo território nacional sem depender de produtos fora do Brasil, assim em todo território Brasileiro seu caminhão tem apoio , peças e tecnologia avançadas pra todos os tipos de seguimento. Caminhões Mercedes-Benz, essa máquina, vai longe com assistência técnica mais completa e rápidas do mercado .

  2. 2.09 tracionando um semi reboque de nove eixos, mas será que estava com as 74 T de carga? Tomara que seja real a informação, motorista bem teinado, consciente e além de tudo bem renumerado. Que sabemos que ainda não é um salário justo, e com a condução extra econômica, aí sim chega nesta média!

  3. Eu duvido , os motoristas d transoste só falta parar encima da pista e ainda coloca óleo por conta do bolso .
    Querem ser mais q os outros falar q é melhor d media .
    Coloca o tangue lacrado e sai junto com outro caminhão aí eu quero ver.

  4. João Antônio Dornelles em..

    O futuro é o caminhão elétrico…a VW/MAN está bombando na Europa e assim que achar uma fórmula para driblar o custo Brasil, meus amigos, vem que vem com tudo…

  5. Caminhão da Mercedes é o mais bruto que os outros principalmente na estrada de terra tenho 4 marca de caminhão volvo Mercedes Scania e Man na terra já desengatou Mercedes pra arratar volvo 540 e na hora da revisão 13,880,00 reais a revisão de 180.000,00 reais, sabem colocar peça Nova na volvo a manutenção é de arrepiar além de ter que ficar uma semana lá em Cuiabá

  6. Sou um pequeno transportador tenho 2 caminhão Mercedes Benz um 2036 ano 2012 e outro 2536 2019 excelente carro os dois não de media,graças a Deus já tô aguardando a chegada de mais um 2544 zero pra aumenta minha frota.

  7. Grande coisa toda essa tecnologia, volta no tempo e reflita os cavalos Scania 112 e 113 H sempre fizeram médias de 2.0 a 2.5 e não tinha nenhuma tecnologias e mais quando um motorista batia um caminhão bicudo ele saia com alguns aranhões e hoje com toda tecnologia o motorista more ou fica multilado.

  8. Caminhão zero km são todos bons, eu gostaria de trocar a cada 3 anos, mas como não consigo vou levando a vida na cabine do meu Atego 3030, em matéria de médio é imbatível tanto na manutenção, conforto e como no consumo!
    O que não pode é exceder a rotação e andar sempre na faixa verde!

Deixe um comentário