Novos Volkswagen Meteor chegam com motores MAN D26 produzidos agora no Brasil

0

DAF - XF

Montadora também apresenta o Constellation 33.460 6×4; novidades estão na faixa de 460 a 520 cavalos

A Volkswagen Caminhões e Ônibus apresentou na manhã desta terça feira (1o) os novos caminhões Meteor 29.520 6×4, Meteor 28.460 6×2 e Constellation 33.460 6×4, todos equipados com motor de 13 litros. São os caminhões mais potentes da linha que ostenta a logomarca VW em toda a sua trajetória, adentrando na faixa de 460 e 520 cavalos de potência.

Os veículos habilitam agora a fabricante em novas categorias, com soluções para atender à completa gama de caminhões de 3,5 toneladas a 125 toneladas.

Os extrapesados VW chegam no mercado com o objetivo de fazer a marca crescer no segmento que mais se expande no Brasil e são resultado de quatro anos de minucioso desenvolvimento e mais de R$ 1 bilhão investidos, combinando o sucesso da Volkswagen nos caminhões mais vendidos do Brasil às demandas dos clientes no universo 4.0.

Os modelos estreiam a nova geração do motor MAN D26 de 13 litros, desenvolvido e produzido no Brasil, primeiro país fora da Europa a fabricá-lo. O novo propulsor proporciona ao cliente um desempenho do veículo além do esperado, com maior economia de combustível, baixo custo de manutenção e durabilidade adequada às mais severas aplicações.

Cabine do Meteor 28460

O tempero brasileiro permeia todo o projeto: um time de mais de 150 especialistas da montadora se dedicou exclusivamente ao longo dos últimos quatro anos, ouvindo os clientes e trabalhando para as melhores soluções em conjunto com o corpo técnico do grupo. Foram mais de 1.000 peças desenvolvidas pela engenharia da VW Caminhões e Ônibus, para assegurar um produto robusto, de alta confiabilidade e disponibilidade para as mais diversas aplicações.

As novidades chegam também com o mais alto índice de conteúdo nacional do segmento. Tudo desenvolvido sob medida para atender às mais diversas operações rodoviárias e fora de estrada.

Interior do Meteor 29520

Os novos modelos foram desenvolvidos com foco na otimização do custo total de operação (TCO), numa estratégia que envolve toda a jornada do cliente, contemplando essas demandas desde o desenvolvimento do projeto e suas características técnicas até o atendimento pós-vendas, de acordo com a filosofia que consagrou a montadora: “menos você não quer, mais você não precisa”.

A nova linha de extrapesados celebra ainda outro feito: os caminhões tiveram a maior campanha de aquisição de dados da VW Caminhões e Ônibus. Mais de 20 protótipos foram utilizados para suportar o desenvolvimento dos novos extrapesados VW no Brasil. Isso se traduz em um produto de alta eficiência, produtividade e robustez, com baixo custo de operação, segurança e conforto.

Dessa forma, os lançamentos chegam à família de caminhões Volkswagen totalmente conectados e voltados à alta produtividade: estreiam na era 4.0 de atendimento da fabricante, contando com uma ampla oferta de tecnologias para maximizar a eficiência operacional por meio da inteligência embarcada, conectividade e de soluções digitais, com três anos de serviços grátis.

Investimentos na produção

O investimento na nova família de extrapesados VW contemplou não só a pesquisa e o desenvolvimento, como também a construção da mais nova linha de montagem de cabines de extrapesados do Brasil, desde a armação até o acabamento, com moderna manufatura 4.0 em nível de automação e conectividade dos dados. Com investimentos de mais de R$ 500 milhões e um time dedicado de 150 colaboradores, os lançamentos contam ainda com área exclusiva no complexo de produção e desenvolvimento da VW Caminhões e Ônibus em Resende (RJ): são ao todo 18 mil metros quadrados, incluindo da produção à logística de peças. Para a máxima sinergia característica da operação da VWCO, a montagem final dos modelos se dará na mesma linha em que se fabricam os veículos MAN TGX.

Conheça as novidades, modelo a modelo:

VW Meteor 28.460 6×2

VW Meteor 29.520 6×4

VW Constellation 33.460 6×4

 

 

TrucksControl - Sua Frota
Compartilhar
Salli - Segurança

Deixe um comentário