Queen of the road reúne mulheres de 17 países

0

Trevisa

Em formato digital, sexta edição do evento da Scania se consolida no calendário da montadora

A sexta edição do Queen of the road, evento da Scania voltado às mulheres do transporte e logística, reuniu participantes de 17 nacionalidades, no período de 16 a 18 de março, Mês Internacional da Mulher. Em formato virtual, devido à pandemia da covid-19, o encontro contou com a participação de importantes executivas do mundo inteiro, como a diretora de Pessoas do Walmart Chile, Denisse Goldfarb, a diretora-geral da Scania Sudeste da Ásia, Heba Eltarifi, e a diretora Global de Sustentabilidade da Natura, Denise Hills.

“Pelo fato de ter sido virtual, tivemos a vantagem de ter representantes de 17 nacionalidades. Fizemos como se fosse um programa de TV, com muita interação e troca. Conseguimos um engajamento fantástico nos três dias do evento”, conta Juliana Sá, Head of Corporate Relations da Scania Latin America.

Veja no vídeo entrevista concedida por ela à Revista Carga Pesada:

Pela primeira vez, o Queen of the road convidou participantes homens: o vice-presidente da Coca-Cola Peru e Equador, Thiago Coelho, e o ex-presidente do Itaú, Candido Bracher. Ambos têm em comum o fato de defenderem a diversidade nas organizações.

Segundo ela, o evento tornou-se uma marca forte para a Scania. “Queremos trazer cada vez mais mulheres, de preferência de várias nacionalidades, porque a troca de cultura é muito rica.”

A escultura Fearless Girl (garota destemida), olhando para o touro de Wall Street, tornou-se um símbolo da igualdade de gênero e representatividade feminina no mercado de trabalho. – Foto: Daniel Lloyd Blunk-Fernández – Unsplash

HISTÓRIA

Trabalhando desde 2015 na área comercial da montadora, Juliana conta que visitou vários países e conversou com muitas mulheres do setor de transporte. “Era um cenário com pouquíssimas mulheres. Mas ao mesmo tempo vi que elas tinham algo de especial: muitas herdaram empresas ou são esposas de homens que começaram os negócios ou mesmo empreendedoras. E cada vez está crescendo o número de empreendedoras. Em comum, elas tinham o fato de serem muito desassistidas pelo setor. Iam a eventos ou falavam de negócios em ambientes muito masculinos. Não se sentiam à vontade para discutir questões que estavam no dia a dia delas como empresárias.”

Segundo a Head, a Scania viu esse fato como grande oportunidade de apoiá-las a seguir nos negócios. “Aí é que surgiu o Queen of the road.” Era final de 2015 e, em março do ano seguinte, foi realizada a primeira edição na planta de São Bernardo do Campo, onde a montadora reuniu mulheres de diversos países da América Latina para falar sobre os desafios do setor de transporte.

Mercedes - As estradas falam
Compartilhar

Deixe um comentário