VWCO Meteor da Paixão

Ipiranga atende mais de 90 mil motoristas no Programa Saúde na Estrada

Pinterest LinkedIn Tumblr +
Consorcio-Fenatran2024

A Ipiranga alcançou a marca de 90.076 pessoas atendidas em quatro anos do programa Saúde na Estrada, que oferece exames de saúde gratuitos a motoristas e incentiva o cuidado com o meio ambiente. Ao todo, foram realizados 650 mil procedimentos em 128 municípios brasileiros que receberam o programa.

O ano de 2011 teve um dos resultados mais expressivos na história do programa. O Saúde na Estrada passou por 80 postos Rodo Rede, postos da rede Ipiranga com estrutura especializada para atendimento aos caminhoneiros, localizados nas principais rodovias do país.  Foram mais de 30 mil quilômetros rodados para levar o programa a 14 estados, totalizando 30.792 motoristas atendidos.

Além do cuidado com a sua própria saúde, cada motorista recebeu um KIT ecológico com sementes de jacarandá, para reforçar sua conscientização ecológica, ajudando a cuidar da saúde do nosso planeta. “A Ipiranga tem muita satisfação em levar este programa para todo país e, assim, poder atender este público que passa muito tempo na estrada e muitas vezes não tem oportunidade de cuidar da saúde. Os exames e procedimentos contribuem para alertar os motoristas para a importância dos cuidados com a saúde e, consequentemente, a segurança em nossas estradas”, afirmou Marcello Moneró, gerente de Divisão Rodovia.

O programa Saúde na Estrada oferece gratuitamente exames como teste de Glicemia, pressão arterial, tipagem sanguínea e também vacinação. A Ipiranga leva àqueles que participarem da campanha informações sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e dengue. O programa itinerante conta com apoio de secretarias municipais e estaduais de Saúde, de unidades do Sest/Senat (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte, respectivamente), de universidades e das polícias Rodoviária Federal e Estadual.O número de exames e procedimentos realizados durante o programa Saúde na Estrada comprova que o programa é muitas vezes a única oportunidade que o motorista tem para se cuidar.

Em 2011, foi constatado que 22,7% deles estão com a pressão arterial alterada. Os testes de glicemia também mostraram dados preocupantes: 12,7% dos profissionais da estrada apresentaram o nível de açúcar superior a 126mg/dl, considerado acimado normal. Além disso, mais de 20% têm problemas de visão e cerca de 70% dos motoristas estão com o peso pouco ou muito elevado.

Em 2012, ampliaremos para 100 o número de etapas deste programa, percorrendo as principais rodovias do país, objetivando atender mais de 38.000 motoristas.“O programa Saúde na Estrada é uma inovação de serviço na área de saúde. Não existe nada mais importante do que cuidar da saúde dos cidadãos, particularmente aqueles que vivem mais da metade do mês nas estradas brasileiras. Cidadania e preservação do meio ambiente são valores que cultuamos dentro de nossa empresa”, afirmou Flavio Dantas, diretor Comercial.

Truckscontrol
Compartilhar

Deixe um comentário