VWCO Meteor da Paixão

Petrobras anuncia novo reajuste de 5% no diesel

Pinterest LinkedIn Tumblr +
Consorcio-Fenatran2024

dieselA Petrobras anunciou reajuste de 5% no preço do óleo diesel nas refinarias a partir das 0h desta quarta (6), em comunicado divulgado na noite desta terça-feira (5).

O anúncio acontece pouco mais de um mês após Petrobras aumentar a gasolina em 6,6% e o óleo diesel em 5,4%. O reajuste serviria para aliviar as perdas com a diferença dos preços nos mercados externo e interno.

Segundo a nota, o aumento anunciado hoje “busca alinhar o preço dos derivados aos valores praticados no mercado internacional em uma perspectiva de médio e longo prazo”. O preço do óleo diesel não inclui os tributos federais Cide e PIS/Cofins e o tributo estadual ICMS, diz a nota.

Este é o quarto aumento do diesel desde o início de 2012. A gasolina teve dois aumentos no mesmo período.

O reajuste de janeiro provocou o primeiro impacto no bolso do consumidor desde 2005 –desde lá, o governo optava por abrir mão na arrecadação da Cide (imposto federal dos combustíveis) para anular a alta nos postos. No fim de 2012, o imposto foi zerado e não pode mais compensar os reajustes.

Em fevereiro, a presidente da Petrobras, Graça Foster, disse que lutava por novos aumentos no preço dos combustíveis, em “busca permanente pela paridade com os preços internacionais” do petróleo e derivados.

RESULTADOS

Em 2012, o lucro da Petrobras caiu 36,3%, para R$ 21,182 bilhões. O resultado foi pior que o esperado por analistas, que estimavam queda de cerca de 30%. A receita líquida da empresa foi de R$ 281,3 bilhões, 15% maior que a verificada em 2011, de R$ 244,1 bilhões.

Segundo Graça Foster, o resultado se deu “pelo aumento da importação de derivados a preços mais elevados, pela desvalorização cambial, que impacta tanto nosso resultado financeiro como nossos custos operacionais, pelo aumento de despesas extraordinárias como a baixa de poços secos e pela produção de petróleo”, afirmou.

FONTE: UOL

Truckscontrol
Compartilhar

4 Comentários

  1. QUE BOM, PARABENS A PETROBRAS E AO GOVERNO BRASILEIRO, ESTAMOS NÓS DONOS DE CAMINHÃO PAGANDO MAIS UM AUMENTO DE PREÇO DO DIESEL. TUDO ISSO PARA NÃO AUMENTAR A GASOLINA PARA O POVO ANDAR ATOA.

  2. A primeira presidente do Brasil esta deixando a coisa desandar, pobre de nos transportadores como vamos repassar mais esta bomba para os fretes que ja estao defasados, o que vai ser dos autonomos, como pagaremos nossas prestaçoes, ou sera que caminhoneiro nao deve.

  3. Concordo com você Eduardo, o governo do PT e contra trabalhador reivindicar seus diretos se nos motoristas  parar numa rodovia para fazer uma manifestação, dentro de poucos minutos a policia rodoviária chega multando batendo como se fosse animais enquanto outras categorias podem fechar rodovias colocar fogo, e nos somos obrigados a ficar o dia inteiro parado no acostamento com fome, e cede, a pouco tempo eu fiquei parado 17 horas em planalto na Bahia a própria PRF falava, nos não podemos fazer nada porque a população está fazendo um protesto na pista, se isto fosse motoristas de caminhões e rapidinho eles chegava descendo o couro, agora nos samos obrigado pagar 2.50 num litro de óleo andar com um frete que não cobre sequer as despesas das  estradas ,eles não calcula que um caminhão pesado, o consumo dele e na faixa de 1.8 a 2.1 litros por km  eles deve pensar pensar um caminhão e a mesma coisa de um automóveis, que faz 17 km por litro agora nos só temos uma saída fazer uma paralisação geral ou entregar os caminhões  para os bancos e virar bandidos porque trabalhando desta forma nunca mais conseguimos pagar prestações de caminhões.O primeiro passo é retirar esses sindicatos corruptos dos nossos caminhos!  

Deixe um comentário