VWCO Meteor da Paixão

Roubo de carga cresce 39% após veto a caminhões na Marginal Tietê

Pinterest LinkedIn Tumblr +
Consorcio-Fenatran2024

Fonte: G1

O registro de roubos de carga na cidade de São Paulo aumentou 39% em março de 2012 em relação a março de 2011, segundo as estatísticas criminais divulgadas pela Secretaria de Segurança.

Em 5 de março deste ano começou a fiscalização da restrição a caminhões na Marginal Tietê e outras vias da região. Caminhões passaram a ficar parados nas proximidades das transportadoras e na chegada das principais rodovias à capital paulista para aguardar o fim da proibição – o que é apontado pelo setor como principal motivo para o aumento dos roubos.

A Polícia Militar (PM) nega relação da restrição com o aumento do índice. Entretanto, policiais civis responsáveis por investigar os crimes apontam possíveis ligações e dizem ter participado de reunião com a PM sobre o tema.

Em março do ano passado, todos os distritos policiais e delegacias especializadas da cidade de São Paulo registraram 314 casos de roubo de carga. Em março deste ano, primeiro mês de restrição, foram 437 casos. Se considerado apenas os dados deste ano, o aumento entre fevereiro e janeiro foi menor: 9%. Já se avaliados os dados de março e fevereiro, o crescimento das ocorrências foi de 18%.

A delegacia com mais registros é a do Parque Novo Mundo – foram 32 casos no último mês. Como comparação, apenas sete roubos de carga foram registrados no distrito em março de 2011 – um aumento de 357%.

A delegacia fica nas proximidades da Rodovia Presidente Dutra, onde pouco antes das 22h (horário em que a restrição na Marginal Tietê termina) filas com mais de 50 caminhões se formam no acostamento e em ruas próximas. Os veículos de carga não podem circular na Marginal Tietê das 5h às 9h e das 17h às 22h de segunda a sexta-feira e das 10h às 14h aos sábados.

Ainda na capital paulista, seis distritos policiais concentram 150 casos, mais de um terço das ocorrências. Em março do ano passado, os mesmos distritos tiveram 62 roubos de carga. Em Guarulhos, na Grande São Paulo, por onde passa a Rodovia Presidente Dutra, o número de casos aumentou de 18 em março de 2011 para 31 em março de 2012.

 Os distritos do Parque Novo Mundo, Perus e Parada de Taipas ficam nas proximidades de rodovias usadas pelos caminhões e de transportadoras. Pari fica na região central, área de grande carga e descarga. E Teotônio Vilela, na Zona Leste, fica próximo a vias usadas pelos motoristas como alternativas, segundo o setor.

O maior aumento bruto no número de registros de roubos de carga também foi registrado no 90º Distrito Policial – um incremento de 25 casos na comparação entre os meses de março nos dois anos. Outras delegacias tiveram um amento proporcional maior, entretanto.

 O delegado Edvaldo Faria, titular da delegacia, afirma que o aumento do número de casos pode estar relacionado com a restrição na Marginal Tietê. “Dá para dizer que é um reflexo. Nós tivemos um bom aumento de roubo de carga, nós pegamos aqui a Dutra, a Ayrton Senna e a Fernão Dias, tem o terminal de cargas e várias empresas de transporte. A carga está realmente concentrada aqui”, disse.

O delegado contou ter participado na semana passada de uma reunião com a Polícia Militar a respeito do aumento do número de roubos de carga, para “criar dispositivos para inibir essa ação”. “Geralmente é mais na margem da rodovia que acontece”, afirmou o delegado. Segundo ele, o aumento do número de caminhões parados na beira da estrada pode ter chamado a atenção dos criminosos. “Tudo leva a crer que isso tenha acontecido.”

Truckscontrol
Compartilhar

5 Comentários

  1. Ai eu pergunto ?Quem são os superprejudicados, as empresas que tem seguro, ou os motoristas autônomos que sujam o nome, e são obrigados a sair da profissão. A corda arrebenta pelo lado mais fraco. É o fim para os autônomos. A coisa está ficando feia. Vejam a matéria sobre assalto a caixa de bancos. Quem sai no prejuízo, o banco ou o estabeleciemento que tem o caixa.  

  2. Gilberto Eduardo Chaves on

    Pois é meu caro Carlos, antes de mais nada,não se esqueça de lembrar que o suspeito número é o condutor na visão da iluminada” PAMCARY”.Graças a DEUS , tô fora!!!!!  

  3. jonaspandolfo on

    Quem for prejudicado que processe o municipio de São Paulo por negligencia uma vez que quando foi criada esta restrição deveriam ter criado locais seguros para que pudessemos aguardar o horario.Procurem seus direitos para isso que pagamos impostos,e não esquesçam é uma ferramenta de trabalho que esta sendo robada sem falar em vidas.

  4. Nivaldo Baptista on

    Os ditadores impõem as leis e e a classe trabalhadora que se vire como puder,os que trabalha é imposta uma rigorosa fiscalização tem multa de todo lado e fiscal em cada esquina das cidades,mas para segurança não se tem ninguem se passar pela marginal após as 10 horas somente cameras multando e as autoridades dormindo ou  escondida do perigo. 

  5. onde estão os pontos de apoio com estacionamento banheiros e alimentação  o pedágio vai aumentar daqui a dois meses ???????????????????????????????????????!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!………………………..resp. no bolso de alguém!!!!!!!!!!!

Deixe um comentário