VWCO Meteor da Paixão

Taxas do Finame serão de 3% e 4% ao ano

Pinterest LinkedIn Tumblr +
Consorcio-Fenatran2024

A taxa de juros do Finame e do Procaminhoneiro subirá de 2,5% para 3% ao ano no primeiro semestre do ano que vem. E para 4% ao ano no segundo semestre. Ambos fazem parte do Programa de Sustentação do Investimento (PSI). A mudança foi anunciada nesta quarta-feira (5) pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega.

O volume de recursos para todo o programa é de R$ 100 bilhões e inclui o financiamento de vários produtos, como máquinas, equipamentos, tratores e colheitadeiras. Desse total, R$ 85 bilhões serão viabilizados pelo sistema BNDES e R$ 15 bilhões serão ofertados para o sistema bancário, de forma que ele possa utilizá-los com recursos próprios, por meio dos depósitos compulsórios que serão disponibilizados para essa finalidade.

O novo PSI, segundo o ministro, terá liberação mais ágil.

Mantega afirmou que o programa teve início em 2009 e se tornou o melhor instrumento para financiar investimentos com juros reduzidos e prazos elevados. Segundo ele, as novas condições permitirão um aumento de cerca de 8% nos investimentos, reduzindo os custos das empresas.

Clique aqui para ver a apresentação do novo PSI no site do Ministério da Fazenda. 

Truckscontrol
Compartilhar

9 Comentários

  1. gostaria que fose  verdade pos quando nos caminhenro outonamo ´,pedimos financamento para comprar ,o primero caminhão eles falam que tem de dar nominimo de 40 ,pocent a,70 pocento,como nos podemos compra um caminhão , seles nos não ajodo. poi nos outonamos samos os que trabalhar mais, pois as comsecionario de verio de facelitar mais . para os bom  caminhonero ,aoutonamo.; eu so motorista ,mias de 30 anos  sempre lutei para comprar mei proprio caminhão , emcontre muitas barreras , pergunto porque . nos samos os que pago mais certo . ainda.gostaria que voces desem uma pessada ,nisso . .eu esto esperamdo uma .proposta  boa; 

  2. QUE SONHO,só os empresários que consegue este tipo de credito o caminhoneiro autônomo não chega nem perto deste dinheiro os bancos não fazem financiamentos com este juros nem a pau,agora os empresas que tem frota pega o credito troca a frota e não consegue vender os usados pois não tem como financiar  no mercado.Ai as empresas vai dar de entrada o usado nas concessionárias ele também   não pega e quando pegar fica com o caminhão encalhado no estoque e assim o mercado esta parado.

  3. Bem estes juros até que são pagáveis, porém o governo tem que tirar é a carga de impostos que incidem encima do caminhão, isto é , para o autonomo, pois , o taxi tem este incentivo, porque não para o caminhão , dai seria viavel uma renovação de frota no pais , devemos nos alertar, para que o governo se posicione, e faça uma tabela mínima de frete, e passe a cobrar impostos sobre ela, dai a coisa iria começar a se ajustar, pois se para os produtos agricolas há uma pauta minima de preços quando saem do estado, principalmente, porque não o frete também

  4. outro alerta que quero fazer é a respeito, de quem trabalha no transporte internacional, que as autoridades  querem que o registro de rntrc seja do permissionário, e na fronteira que os autonomos, são sócios de coperativas na maioria , porém a resolução 3056 é bem clara que para o registro estar em nome do permissionário, o veiculo tem que estar, em nome dela, ou arrendado a ela,junto ao órgão de transito, e não é este espediente que está sendo usado, pois nada consta no certificado,portanto quero deixar o alerta deste SINDICATO, que querem acabar com a classe de autonomo, aqui na fronteira , e isto não podemos concordar, porém a autoridades que fazem as leis não houvem as  representações das regiões afetadas  e  cometem   estes abusos com a categoria dos caminhoneiros autonomos. 

  5. PRO CAMINHONEIRO É UM MUNDO DE PAPAI NOEL, COELHO DA PASCOA EM FIM, NENHUM BANCO DA CIDADE ONDE EU MORO SE ENTERRESA NO ASSULTO, NEM A UNIÃO BRASIL CAMINHONEIRO QUE DIZ SER EXPER NO ASSUNTO ME RETORNOU SOBRE OS 3 CONTATOS QUE EU FIZ…

  6. O SINDICAM URUGUAIANA, GOSTARIA  DE PEDIR A REVISTA CARGA PESADA QUE NOS MUNA DE TODO E QUALQUER CANAL DE CONTATO, ATÉ MESMO DIRETO COM A NOSSA PRESIDENTE, PARA QUE POSSAMOS NOS REPORTAR E EXPOR A SITUAÇÃO DA CLASSE CAMINHONEIRA NAS FRONTEIRAS, PELO RISCO QUE CORREM, DE PERDEREM A SUA IDONIEDADE DE AUTONOMO , , QUANDO SE HABILITÃO PARA O TRANSPORTE INTERNACIONAL, SENDO QUE NOS OUTROS ´PAISES O RNTRC NÃO TEM VALOR, ELE TEM SIM NO BRASIL, POIS É A IDENTIDADE DO CAMINHÃO EM NOSSO PAIS, E TEMOS DOCUMENTOS QUE PROPRIETÁRIOS DE 3 CONJUNTOS DE CARRETAS NA ARGENTINA E CHILE TEEM PERMISSO INTERNACIONAL, E O BRASIL FORNECE O COMPLEMENTAR PARA QUE ELES SE HABILITEM PARA O TRANPORTE INTERNACIONAL, PORQUE QUE NÓS É SÓ PESSOA JURIDICA, SE ELES PODEM E O BRASIL CONCORDA, PORQUE NÓS BRASILEIROS TAMBÉM NÃO USUFLUIMOS DO MMESMO DIREITO.CONTAMOS COM O AUXILIO DOS SENHORES.

  7. José Alves de Souza Junior on

    Prócaminhoneiro é uma piada. Acabem logo com esta bravata. tenho caminhão quitado e dizem que não tenho perfil. O mensalão tem perfil.

  8. Marco Antonio Goulart on

    Para o caminhoneiro autônomo,só tem EXPLORAÇÃO:para um crédito de 60.000,00=36 X 3.250,00 = 117.000,00,se isso não for “EXTORSÃO” é “ROUBO” mesmo.O PIOR É QUE ISSO ACONTECE DEBAIXO DOS OLHOS DO “GOVERNO”…

Deixe um comentário