VWCO Gigantes

ZF atinge vendas de 43,8 bilhões de euros em 2022

Pinterest LinkedIn Tumblr +
Consorcio-Fenatran2024

O volume de pedidos de acionamentos elétricos chega a mais de 30 bilhões de euros

A empresa de tecnologia ZF dá continuidade ao seu curso estratégico no ano altamente desafiador de 2022 e definiu o rumo para o seu desenvolvimento econômico futuro. Algumas áreas serão abertas a potenciais parceiros e investidores. Outras devem ser capazes de atuar de forma mais eficiente e estreita com o cliente por meio de fusões. Essas etapas visam alinhar a ZF de forma mais clara com os campos futuros de atuação e torná-la mais lucrativa. No exercício financeiro de 2022, a empresa gerou vendas de 43,8 bilhões de euros, um aumento de 14% em relação ao ano anterior. O EBIT ajustado foi de 2,0 bilhões de euros (2021: 1,9 bilhão de euros); a margem EBIT ajustada foi de 4,7% (2021: 5,0%).

Com esses números, a ZF atingiu sua previsão ajustada no outono. Mas, do ponto de vista da empresa, são necessários melhores resultados para enfrentar uma mudança acelerada em tempos de transformação. “Embora tenhamos feito mais progresso com nossa estratégia em 2022, não podemos estar satisfeitos com este resultado financeiro”, disse o CEO da ZF, Dr. Holger Klein, na apresentação do balanço em Friedrichshafen, Alemanha, na quinta-feira. Klein está à frente da ZF desde 1º de janeiro de 2023. “Nossa tarefa mais importante é nos concentrarmos, promover mudanças e ganhar velocidade. Lançamos um programa de desempenho abrangente para acelerar processos, simplificar a tomada de decisões e manter a disciplina de custos”. A eficiência obtida permitirá à ZF fazer investimentos direcionados em tecnologias de alto rendimento e voltadas para o futuro.

Com base na estratégia “Mobilidade da Próxima Geração”, a ZF está desenvolvendo ainda mais suas estruturas corporativas para melhor adaptá-las às exigências dos clientes e do mercado. A ZF está, portanto, planejando, entre outras coisas, unir as divisões de Tecnologia de Chassis de Carros e a de Sistemas de Segurança Ativa em uma nova divisão para tecnologias de chassis, direção e freio, que é única no mercado. “A nova divisão oferece todo o hardware, software e eletrônica necessários para controlar a dinâmica vertical, longitudinal e lateral de um veículo. Com um faturamento de mais de 14 bilhões de euros, a nova divisão deve ser um parceiro forte para nossos clientes a partir do seu início”, explicou Klein.

A ZF está estabelecendo algumas áreas de negócios de forma independente para que possam crescer mais rapidamente e operar com mais sucesso no mercado. “Estamos procurando investidores externos como parceiros para áreas atrativas com potencial de crescimento muito bom e altos requisitos de investimento”, disse Klein. Isso inclui a Divisão de Sistemas de Segurança Passiva, o negócio de eixos de carros convencionais e o negócio de ônibus autônomos.

As áreas de reposição e acionamentos elétricos, entre outras, têm se desenvolvido com sucesso. A Divisão ZF Aftermarket conquistou seus clientes com mais soluções e serviços digitais e aumentou novamente suas vendas (2022: aumento de 6% para 3,2 bilhões de euros). Na mobilidade elétrica, a carteira de pedidos de acionamentos elétricos para carros de passeio e veículos comerciais chega a mais de 30 bilhões de euros. Isso permite que a ZF faça a transição de transmissões clássicas para soluções de acionamento elétrico.

Crescimento de vendas impactado por efeitos cambiais

No exercício financeiro de 2022, a ZF alcançou vendas para o Grupo de 43,8 bilhões de euros (2021: 38,3 bilhões de euros), um aumento de 14% em comparação com o ano anterior. O crescimento orgânico foi de 9,3%, com a diferença remanescente principalmente devido aos efeitos cambiais. O EBIT ajustado foi de 2.038 bilhões de euros (2021: 1.910 milhão de euros), o que corresponde a uma margem EBIT ajustada de 4,7 % (2021: 5,0%). O fluxo de caixa livre ajustado para atividades de M&A (fusões e aquisições) foi de 544 milhões de euros (2021: 991 milhões de euros). No final do ano passado, a dívida líquida totalizava 10,4 bilhões de euros (2021: 10,1 bilhões de euros); o índice de patrimônio aumentou de 18,6% no final de 2021 para 22,1%.

“Em termos de crescimento de vendas, nos desenvolvemos melhor do que os mercados globais de veículos”, disse o CFO da ZF, Michael Frick. “No entanto, melhor rentabilidade e maior fluxo de caixa são pré-requisitos importantes para permanecermos fortes em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) e reduzirmos nossa dívida financeira. Estamos trabalhando intensamente em ambos os tópicos”. Isso inclui, por exemplo, a redução de custos, além do gerenciamento eficiente de estoques para estarmos preparados para possíveis interrupções na cadeia de suprimentos e solicitações variadas de peças dos clientes.

Na área de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), a ZF aumentou novamente suas atividades: os investimentos atingiram um nível recorde de 3,4 bilhões de euros (2021: 3,1 bilhões de euros). O índice de P&D atingiu 7,8% (2021: 8,0%). Os investimentos em imobilizados totalizaram 1,9 bilhão de euros (2021: € 1,6 bilhão de euros), o que corresponde a uma taxa de investimento de 4,3% (2021: 4,2%).

Perspectivas para o exercício financeiro de 2023

Com base na produção de veículos, que vem diminuindo desde 2019, a ZF espera agora o quinto ano consecutivo de crise após a pandemia e a guerra na Ucrânia. Tendo como pano de fundo os desafios existentes e as incertezas contínuas em torno dos mercados mundiais, em 2023 a empresa espera um crescimento moderado nas vendas do Grupo para mais de 45 bilhões de euros. Espera-se que esse crescimento de vendas leve a uma margem EBIT ajustada entre 4,7% e 5,2%. Espera-se que o fluxo de caixa livre esteja na faixa de 1,0 bilhão a 1,5 bilhão de euros.

“Esses anos difíceis tornaram a ZF e toda a sua equipe mais resilientes”, enfatizou o CEO Klein. “Com comprometimento, perseverança e espírito de equipe, nossos colaboradores têm contribuído decisivamente para o progresso da ZF. Agradeço-lhes sinceramente por este compromisso”.

Objetivo de sustentabilidade da empresa: “Agir agora” em vários níveis

A ZF ancorou seus esforços de sustentabilidade na empresa sob o lema “Agindo agora”. “Agir agora’ sublinha que estamos agindo hoje – para a proteção do clima e um bom futuro para um planeta saudável”, disse Klein. Como incentivo ao alcance destes objetivos, critérios ambientais, sociais e de governança (ESG) – mais especificamente, diversidade e sustentabilidade – foram incluídos no sistema de remuneração da alta liderança.

Este tópico também se reflete nos produtos da ZF de várias maneiras, como um exemplo da unidade de negócios de energia eólica da ZF. Uma equipe internacional de engenheiros da ZF reduziu significativamente as emissões de ruído das caixas multiplicadoras de energia eólica para novas gerações de grandes turbinas com um diâmetro de rotor de mais de 140 metros. “Nossa equipe conseguiu tornar as turbinas eólicas mais silenciosas, dando uma importante contribuição para sua aceitação social”, disse Holger Klein. É também um grande sucesso comercial para a ZF: Não somente por causa deste processo recém-desenvolvido, a empresa é parceira de desenvolvimento e fornecedora preferida dos principais fabricantes de turbinas eólicas, especialmente na Alemanha e na Europa.

O negócio de energia eólica também se beneficia da cooperação recentemente anunciada entre a ZF e a fabricante americana de semicondutores Wolfspeed. Em sua fábrica planejada no local de uma usina de carvão fora de uso em Ensdorf, Saarland, serão produzidos semicondutores de carboneto de silício que podem tornar as turbinas eólicas mais eficientes. Os semicondutores são usados principalmente em inversores eletrônicos de potência em carros elétricos. Eles têm vantagens importantes em relação aos produtos convencionais à base de silício: maior eficiência, maior densidade de potência e maior confiabilidade. “Para nós da ZF, a parceria com a Wolfspeed é um passo importante para um futuro em que os carros serão principalmente elétricos”, disse o CEO Klein. “Porque estamos convencidos de que os chips são a nova engrenagem à medida que nos transformamos do mecânico para o digital”.

Truckscontrol
Compartilhar

Deixe um comentário